Savants, quem são eles?

Olá!

Há um tempinho atrás eu li uma matéria que me deixou bastante intrigada e fascinada ao mesmo tempo. Ela falava sobre os savants, que em francês significa “sábio”. Podem ser pessoas que mal sabem abotoar suas camisas ou completamente distraídas, mas são seres humanos excepcionais e que podem facilmente passar despercebidos por você.

Eles nos fazem refletir sobre as possíveis maneiras de olhar e analisar o que nos cerca, e todas as possibilidades que o nosso cérebro pode nos oferecer!

A primeira pessoa a falar sobre o savantismo foi John Langdon Down em 1887, o psiquiatra britânico que fez o primeiro relato científico sobre a síndrome de Down. Apesar de ainda existirem muitas dúvidas sobre como o cérebro dos Savants funciona, o que se sabe é que essa é uma síndrome onde algumas complicações mentais impedem o acesso dessas pessoas a grande parte de sua memória consciente. Logo o cérebro transfere as informações para a memória implícita, assim eles fazem de forma automática coisas que nós precisamos pensar muito para fazer e mais, eles não se esquecem de nada que aprendem!

Daniel Tammet

Em geral os savants tem 10% de autismo, mas um Savant muito conhecido, o Daniel Tammet, que teve epilepsia quando pequeno, foi diagnosticado com Síndrome de Asperger, uma forma leve de altismo que o impede de ter uma boa socialização apesar de ter um grande controle e capacidade verbal. Além disso ele também tem sinestesia, ou seja, o cérebro dele mistura sentidos, o que quer dizer que para ele sons podem ter cores por exemplo… O torna que sua mente ainda mais fantástica.

Em geral há pouco pensamento consciente sobre o que está sendo aprendido e muitas vezes não há sequer uma real compreensão do assunto, por isso a facilidade deles com a matemática por exemplo. Eles calculam números muito grandes, números que sua mente nem sonha em conseguir identificar, eles também dizem exatamente em que dia da semana você nasceu só de você dizer o dia, mês e ano em que nasceu, tudo de cabeça.

Veja melhor nesse vídeo (com legendas em português) uma palestra onde o Daniel explica um pouco sobre como funciona sua mente.

Caso você entenda inglês vale a pena assistir a essa entrevista que ele deu falando um pouco mais sobre ele, seus transtornos mentais e suas habilidades diferenciadas.

Outro savant bastante famoso também é Derek Paravicini, mas ele não é conhecido por fazer equações matemáticas gigantes, mas sim por tocar piano simplesmente só por ter ouvido a música. Ele é cego e também tem autismo, e no vídeo é possível ver que atividades simples como indicar o número três com os dedos para ele é algo extremamente difícil!

Existem várias outras capacidades mentais que eles podem apresentar como aprender um novo idioma em uma semana, ou decorar livros inteiros, como é o caso de Kim Peek, um “megasavant” que morreu em 2009 aos 58 anos e tinha lido mais de 9 mil livros, basicamente um a cada dois dias, porém com uma grande diferença das pessoas comuns: ele lia cada página com um olho!… E pergunta se ele esquecia o que lia? Ele sabia a história de todos os países, seus presidentes e recitava qualquer parte da bíblia ou do Alcorão se você quisesse!

Talvez Isaac Newton e Albert Einstein também fossem savants… Mas quanto a isso nunca teremos certeza!

Imagens disponíveis em:
<http://images6.alphacoders.com/555/555590.jpg&gt;
<http://31.media.tumblr.com/7505b2986616be8287442c6a770ee61c/tumblr_inline_n60ror0DqW1sffc7y.jpg&gt;
<http://www.biografiasyvidas.com/monografia/newton/fotos/newton_joven.jpg&gt;
Acesso em: 11/02/2016

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s